Paulo Câmara e Geraldo Julio denunciados por propina

 

GUGU pcpc cópia

 

“Exatamente no dia em que ele [Eduardo Campos] faleceu, eu estava com o Henrique que era a pessoa que ele mandava … ou o Henrique, ou o Paulo Câmara ou o Geraldo Julio para ir lá tratar de propina”

É assim que o diretor da JBS, Ricardo Saud, fala sobre o envolvimento do governador Paulo Câmara e do prefeito Geraldo Julio no acerto de R$ 15 milhões em propinas para a campanha de Eduardo em 2014. Além de Paulo e Geraldo, Saud também cita Fernando Bezerra Coelho como beneficiário com R$ 1 milhão. Todos do PSB.

As denúncias são extremamente graves. Elas arrastam o núcleo do PSB para o olho do furacão da Lava Jato, e talvez venha a ser necessário que os mandatos do governador e do prefeito sejam abreviados. Falei sobre o assunto no Jornal do Commercio. Leia aqui: http://bit.ly/2q4HPKs

O governador e o prefeito precisam vir a público e dar suas explicações para o povo pernambucano. E também para a Justiça.

Compartilhe

Comentário